segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Paparicos

Gente do céu, o tempo passa...kkkk.
A coisa anda confusa  no mundo real. Trabalho, casa, enfim é isso.
Na prática tô desanimadinha pra costurar e até os bloguinhos tenho visitado pouco.
Esses dias fui mimada por uma cliente com duas mini polainas. Coisa mais querida, quem não ama ser paparicada?
Ainda não usei, passo a semana de tênis e no único dia que sai arrumadinha tava quente. Mas estão guardadinhas, louquinhas pra bater perninhas comigo.



Bom gente amiga é isso, um oi e um até breve.
Ando pesquisando bastante pra festinha de niver do filhote. Logo (espero) passo com novidades.



sexta-feira, 11 de março de 2016

Sobre a horta em vasos.

Olá gente, nossa o tempo voa mesmo. Muita coisa atrasada.
Porém gostaria de compartilhar com vocês minha produção caseira na horta.
Esses mini melões vieram de sementes daquele melãozinho do café da manhã que simplesmente plantei em vasos. No caso lixeiras revestidas com plástico furadinho e que se mostraram bem práticas em não acumular água.


Aqui foram colhidos chicória, couve , alface, almeirão e tomatinhos. Tudo da horta , plantados em vasos e floreiras. 

Infelizmente nesse fim de verão não tenho cuidado muito dela. Falta fazer o replantio de várias coisas. Mas como estávamos tendo um sol de rachar preferi esperar um pouco pra fazer isso. 
A minha experiência até agora é bem produtiva. Colher chás,temperos, saladinhas, tomates, cenourinhas e nabos caseiros não tem preço. São bem mais saborosos e salvam dias de correria sem ir no mercado.  O importante é os vasos terem profundidade e local ser bem ensolarado e irrigado. Pequenos vasilhames como garrafas pet não são tão bons. Limitam muito o crescimento. Depois de erros e acertos, optei por baldes, lixeirinhas e floreiras mais profundas. A produção melhora consideravelmente assim. 
Bom espero que essas dicas ajudem um pouco a todos. Até a próxima!

domingo, 27 de setembro de 2015

Oiiii.

Oi gente, nossa como passa rápido
Durante esse tempo sem postar a vida real correu rápido... Trabalho, casa , filho, enfim vida real.
Bom por aqui apareceu uma ninhada de 5 filhotinhos. Foram abandonados em uma obra próximo a minha casa. Resgatei, cuidei e doei todos. Aleluia.

Tive a perda do meu amado cachorro Pneu. Ainda estou me recuperando. Anjos de patas deviam ser eternos, nossa é difícil se despedir deles. Ainda não consigo muito falar nisso.

Bom depois disso tudo apareceu um outro abandonado aqui, atropelado. Recolhemos. levamos na clinica. Já fez 2 cirurgia e estamos cuidando até ele se recuperar e encontrar uma família de raça pra cuidar dele.
O branco Fredy que estamos ajudando, essa pretinha é a cadelinha que mora do lado da minha casa.

E vocês me perguntam, mas como assim, porque tu faz isso?
Alguém tem que fazer.  Tem gente que passa e não se importa. Eu não consigo ver um animal com problema e não ajudar.
Acredito de coração que se cada um de nós puder fazer alguma coisa nesse mundo ele melhora.
Ajudar animais, cuidar de idosos, fazer trabalho voluntário para criança carentes.
Ou simplesmente ser gentil e assumir suas próprias responsabilidades sem delegar seus problemas a outros já te faz ser um cidadão melhor. E sim você pode ajudar a mudar o mundo em sua volta, mudando o seu.
Também fiz uma horta, mas ainda não tenho fotos. Assim que tiver fotos coloco aqui.
E assim segue a vida.
Só tenho a agradecer, por ter uma família que amo, uma casa que é minha, um trabalho que me realiza e saúde.



domingo, 12 de abril de 2015

Duas receitas de biscoitos integrais. Quer aprender?

Oi gente.
Com essa saga de fazer comidinhas sem leite pro lanche do filho tenho tentado várias receitas.
Essas duas ficaram ótimas e foram fáceis de fazer.



Biscoito de gergelim integral.

1 xícara de farinha integral
1/2 colher de chá de fermento
Sal e Gergelim a gosto
Água pra dar ponto.

Mistura tudo, vai amassando com a mão. Deixa ela fininha com o rolo e corta com as forminhas. Ou com um copo.
Leve ao forno por mais ou menos 20 min em 180 graus.
Rende 20 biscoitos.

Esses além de bonitinhos, foram feitos junto com o filhote. Ele adorou. Claro que por serem caseiros não ficam como os industrializados na aparência, mas o sabor é muito melhor. Sem falar na qualidade.




Biscoito de chocolate integral.


1 xícara de farinha integral
1/2 xícara de açúcar( uso o cristal misturado com mascavo)
1/2 colher de fermento
canela
1 colher de sopa rasa de chocolate em pó ( não achocolatado).

Mistura tudo. Fica mais mole, então tem que ir acrescentando mais farinha. Ficando mais firme faz bolinhas e leva ao forno por mais ou menos 20 min em 180 graus.
Rende umas 40 bolinhas.


Agora sim , lanchinhos cheios de amor e sem conservantes.
Servidos?

segunda-feira, 30 de março de 2015

Plante comida , não grama.

Bom gente nos últimos dias tive que ficar mais quietinha. Torci o pé.
Isso me fez ter tempo livre pra internet como nunca...kkkkk.
Me fez pensar em muita coisa.
Um dos planos que tenho engavetado a tempos é uma hortinha em casa.
Esse ano estamos subindo muros altos. Muita obra em casa. E como meu pedreiro tem o dom do mestre dos magos, vive sumindo. O pior é que sem receber...só comigo isso mesmo...kkkk.
Mesmo assim tô bem empolgada em começar em algum cantinho. Achei uma dicas bacanas.
Descobri que existe um movimento pelo mundo que prega que devemos ter comida ao invés de plantadas no nosso jardim. O que faz muito sentido. Um pequeno espaço pode produzir bastante coisa, além da manutenção ser menor que os gramados. ( http://www.foodnotlawns.com/)
Isso ajudaria muita pra economizar, além de ajudar ao meio ambiente. Achei uma proposta muito bacana, tem me feito pensar.
Já temos o minhocário. Que usamos pra adubar as flores e as duas árvores aqui de casa.








Bom depois de tanta inspiração consegui alguns esquemas que podem ajudar no começo.





Aqui seguem dois links do manual de hortas domésticas.


sexta-feira, 13 de março de 2015

Cozinhando sem leite.

Olá pessoal,
A vida segue a mil por aqui. No último ano foram muitas descobertas e felicidades. Novas rotinas, vida nova.
Bom como sabem já vinha mudando minha alimentação a muito tempo, porém nesse ano tive que ter pente fino nos rótulos de alimentos. Meu filho tem Galactosemia, ou seja o organismo não metaboliza a galactose que pode intoxicar fígado, rins, olhos e fígado. Não tem cura pois é gentética e o tratamento é controle alimentar rígido.
A galactose tem na maioria dos alimentos, entre eles leite e derivados, soja,feijão, tomate, lentilha, frutas secas, mamão, melancia, etc...
O mais incrível é que eles colocam lactose em tudo, até na bolacha água e sal. Já pensou. Não dá mas pra confiar em nada no supermercado, é suco que não é suco, leite adulterado, enfim, a coisa tá estranha.
Mas basicamente se você tem um filho intolerante a lactose ou com o problema do meu, existe vida e muita comida boa. Basta substituir nas receitas o leite por suco de fruta ou água. E  no meu caso substituo a margarina por azeite de oliva. Dá certo e fica muito bom.
Como  criança na vida tem que ser  feliz tenho feito muita coisa bacana. Fizemos um piquenique no jardim de casa.

Tortinha de sardinha e carne, bolo de cenoura e chá mate com limão.


Depois do piquenique em casa, passeio na praça.



E a noite pizza caseira. No caso dele fiz com carne, azeitona e batata palha.

Não precisamos de muito pra ser feliz, só boa vontade. Até a próxima!!




terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Oi gente amiga. Nossa muito tempo sem aparecer. Fim de ano a mil.
Mas hoje tava navegando pela net  e encontrei essa dica super bacana pra decorar a geladeira.


Uma super reportagem sobre o blog Casa de Colorir.
Sinceramente não conhecia essa técnica com folha imantada. Tô louca pra experimentar.


1. Coloque a foto sobre o papel e, com o lápis, desenhe a borda;
2. Marque um centímetro para dentro dessa marcação e faça um novo retângulo. É ele que será cortado depois, deixando uma margem que segure a imagem na moldura;
3. Agora é a hora de deixar a imaginação fluir. Para esta moldura, me inspirei no projeto da Thalita e fiz assim: marquei um "x" para indicar onde seriam as pontas em cada um dos quatro lados e fui fazendo o desenho. Riscando, errando e apagando; Riscando, errando e apagando… Até que ficou como eu gostaria;
4. Recorte a moldura;
5. Apoie em cima do rolo de folha imantada para ver quanto precisa desse material;
6. Faça o mesmo com o pedaço de folha sobre o tecido, para recortar a medida necessária;
7. Essas folhas imantadas possuem um lado de adesivo. Retire o papel sobre a área com cola e grude o tecido. Passe uma régua por cima para garantir que não ficaram bolhas de ar;
8. Coloque o molde recortado sobre esse pedaço de folha imantada – do lado que tem o ímã – e desenhe com o lápis o formato do molde;
9. Recorte;
10. Recorte o fundo do molde. Prendê-lo na prancheta é uma mão na roda!
11. Apoie novamente o molde sobre o ímã – pedaços de fita-crepe ajudam a mantê-lo no lugar – e recorte o fundo com a ajuda do estilete e da régua. Continue usando a prancheta;
12. E está pronto!
Reportagem completa no site do Pense Imóveis Aqui